Notícias

  • 00151602A realização da Copa do Mundo no Brasil trouxe, para a área de Saúde, a capacitação e a experiência na montagem de estrutura para poder receber grandes eventos. Essa foi a primeira avaliação feitas por representantes das vigilâncias sanitárias das 12 cidades-sede da Copa do Mundo, que participam de um encontro, nesta quinta (20) e sexta-feira (21), em Curitiba. O objetivo do seminário, que ocorre no auditório da Uninter, no Centro da capital, é debater as ações realizadas antes, durante e após a execução do Mundial para ver o que pode ser aprimorado nos próximos eventos de massa que serão realizados no Brasil. Na sexta-feira (21), será apresentado um balanço final das ações.

    Durante a abertura do encontro, foram ressaltados o êxito na atuação das vigilâncias sanitárias durante a Copa e os bons resultados trazidos pela integração dos profissionais de diversas áreas. “O principal legado que fica para a saúde é a capacidade de se trabalhar em rede.

    Leia mais...
  • 00151042Um grupo de mulheres que tiveram bebês recentemente participou na tarde desta quinta-feira (07) do dia do "mamaço", ato coletivo de amamentar seus filhos. A atividade foi promovida por profissionais da Unidade de Saúde Érico Veríssimo, na qual as mães compartilharam suas experiências particulares e discutiram sobre a importância de amamentar os bebês. A ação da Secretaria Municipal de Saúde faz parte das atividades da Semana Mundial de Aleitamento Materno, que em Curitiba foi estendida para o mês inteiro e se encerra no final de agosto.

    A Semana Mundial é realizada anualmente e a cada ano propõe um tema diferente, destacando neste ano as vantagens do aleitamento materno. “O trabalho busca sensibilizar as mães que estão nos últimos meses de gestação para que amamentem seus bebês”, afirmou Adriana Walesko, enfermeira da Unidade de Saúde Érico Veríssimo. Ela conta que o tema foi proposto a partir da observação de que a principal dificuldade das mães que trabalham é saber como retirar e armazenar o leite materno para que possa ser oferecido às crianças quando as mães retornam ao trabalho. Adriana orienta que o leite retirado deve ser guardados em vidros com tampas plásticas e armazenados no congelador.

    Leia mais...
  • 00151095O Hospital do Idoso Zilda Arns acaba de implantar um ambulatório de tratamento contra o tabagismo. O novo serviço será oferecido a pacientes internados no hospital ou encaminhados para consultas especializadas. Eles receberão tratamento clínico, com equipe multidisciplinar, medicamentos e apoio psicológico para deixar o cigarro.

    “Estudos apontam que é quatro vezes maior a chance de o paciente parar de fumar quando faz o tratamento contra o tabagismo durante o internamento”, diz o pneumologista Lucas Moreira. Isso ocorre, entre outros fatores, em razão da proibição do cigarro no ambiente hospitalar e graças à atuação mais próxima dos profissionais de saúde.

    O objetivo do ambulatório – que também atenderá funcionários do hospital – é oferecer meios para que o fumante consiga deixar o hábito, reduzindo os problemas provocados pelo uso contínuo do tabaco.

    Leia mais...
  • 00151096Os homens representam 48% da população de Curitiba. Mas nos equipamentos de saúde pública da cidade, só 36,75% dos 1,9 milhão de atendimentos realizados nos sete primeiros meses de 2014 envolviam pacientes do sexo masculino. A proporção reflete uma situação que profissionais de saúde trabalham para mudar - a resistência de muitos homens em cuidar da própria saúde.

    Foi essa preocupação que levou à criação do Agosto Azul, campanha anual para incentivar a prevenção e a promoção da saúde do homem, prevista na lei estadualnúmero 17.099. O objetivo é promover uma mudança cultural, estimulando os homens a procurar atendimento antes que doenças se manifestem de forma mais grave.

    A proporção de atendimento de homens em relação a mulheres só se mantém equilibrada até os 10 anos, reduzindo-se na adolescência, quando o atendimento de jovens de 15 a 19 anos do sexo masculino cai para 30% do total. Entre os 20 e 60 anos a proporção é de 32% de homens para 68% de mulheres que procuram atendimento nos equipamentos de saúde. Entre os idosos, que a proporção é de 35,12% dos atendimentos de homens contra 64.88% de mulheres.

    Leia mais...
  • 00149812As 109 unidades básicas de saúde de Curitiba estão recebendo aparelhos que irão ampliar os serviços oferecidos. São eletrocardiogramas, espirômetros digitais e equipamentos de eletrocirurgia, além de balanças pediátricas e para adultos, detectores cardíacos fetais e macas ginecológicas. Os equipamentos foram adquiridos com recursos do Fundo de Desenvolvimento Urbano e de emendas parlamentares, no total de R$ 2,6 milhões.

    Atualmente, as unidades básicas realizam cerca de 2 mil eletrocardiogramas mensais, com aparelhos que ficam em média dois dias em cada unidade. Com a instalação dos novos aparelhos, a expectativa é que esse número dobre.

    O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e o secretário municipal da Saúde, Adriano Massuda, acompanharam nesta sexta-feira (11) a entrega dos equipamentos nas unidades de saúde Vila Verde, na Cidade Industrial de Curitiba, e Ouvidor Pardinho, no Rebouças.  Leia mais...

Unidades de Saúde

Unidades de Saúde

Confira a lista de endereços dos equipamentos da SMS.

Leia Mais

Orientação e Prevenção

Orientação e Prevenção

Veja como ter uma vida saudável e manter hábitos de proteção da sua saúde.

saiba mais

Ouvidoria SUS Curitiba

ouvidoria-sus

Dúvidas, reclamações e opiniões sobre a saúde de Curitiba? Conheça a Ouvidoria do SUS. 

Saiba Mais                                         

 

Taxa de mortalidade infantil

taxa-mortalidade

A taxa de mortalidade infantil em Curitiba apresenta uma tendência constante de queda.
 
Dados preliminares de 2011 apontam a menor taxa de mortalidade infantil já alcançada pelo município.

A Secretaria

  • Planejar e executar a política de saúde para o Município de Curitiba
  • Responsabilizar-se pela gestão e regulação dos serviços próprios e conveniados
  • Monitorar doenças e agravos
  • Realizar a vigilância sanitária sobre produtos e serviços de interesse da saúde
  • Visar uma população mais saudável